Transfira seu blog do Blogger para o WordPress

WordPress escrito por

Talvez você use o Blogspot por achá-lo mais fácil. Bem, não é verdade que o WordPress seja difícil: assim como em qualquer ferramenta, só de vasculhar para ver o que há nele já descobrimos muitas opções e vemos que é muito fácil blogar nele. E se ele é o melhor CMS para sites institucionais, imagine tudo que pode fazer pelo seu blog. É tão fácil que até migrar do Blogger para o WordPress.org é simples. Duvida? Então dá uma olhadinha no tutorial de hoje. :D

Blogspot x WordPress.org

Primeiro preciso esclarecer que estamos falando do WordPress.org, não do WordPress.com. Qual a diferença? Bem resumidamente falando, o .org oferece mais recursos, justamente aqueles que mais gostamos: no .com você pode personalizar algumas poucas coisas do layout, enquanto o .org permite mudar tudo, tudo mesmo. Você pode praticamente de tudo nele, incluindo montar lojas para seus produtos. Com o WP.org você tem controle absoluto sobre tudo no seu blog. Dito isso, vamos falar das vantagens entre Blogspot e WP.org.

O Blogspot é gratuito, enquanto no WordPress.org você precisa ter hospedagem e domínio (mas o domínio personalizado é recomendado mesmo no Blogspot). Já que o custo de um domínio é o mesmo independente da plataforma, ele não serve de parâmetro para comparação, certo? E aí tem gente que foge só de ouvir falar em pagar hospedagem. Surpresa: host não precisa ser caro para ser bom. Toda equipe do xCake, inclusive eu (que não atuo nos projetos de layout, mas gerencio o Metablog) usamos a Brasilserv: preço justo e atendimento de primeira. É com eles que hospedamos o site, o Metablog e nossos sites pessoais, conhecemos bem o serviço e por isso recomendamos de olhos fechados. Agora já sabemos que hospedagem não precisa ser cara, portanto isso não pesa muito contra o WP.org – e para quem bloga a sério, especialmente se bloga com fins profissionais, o valor da hospedagem é mínimo para algo tão importante para você.

Quando dizem que o Blogspot é mais fácil, geralmente estão se referindo a linguagem de programação. Sim, a linguagem usada pelo Blogspost é mais simples que as usadas no WP. Mas vamos fazer um exercício de dedução: quantos programadores profissionais você conhece que recomendam o Blogspot? Eles dominam códigos, sabem muito mais de SEO do que outros profissionais, então podemos entender que se eles recomendam o WP eles devem saber o que estão dizendo, né? Mais: se o Blogspot, que é hospedado nos servidores do Google, tem mais dificuldade para conseguir bom posicionamento nas buscas do próprio Google, e o WordPress contribui muito para a indexação nas buscas, você não concorda que então a linguagem do WP funciona melhor? E se blogamos com seriedade, e muitas vezes dependemos de nossos blogs para alavancar e/ou divulgar nosso negócio, devemos primar pelo que é melhor, não é mesmo?

Estou aqui pensando e buscando mais vantagens do Blogspot, mas não encontro (e as que encontrei, como você viu acima, não me parecem muito convincentes). Já o WordPress tem inúmeras vantagens: é fácil de usar (é sim, pode acreditar), já vimos que é otimizado para buscas, é fácil organizar conteúdo dentro dele, é fácil inserir e gerenciar usuários (importantíssimo para quem trabalha com colaboradores), está em constante atualização e oferece milhares de plugins para quase qualquer coisa que possamos imaginar (e se não tiver plugin para o que imaginamos, um bom programador talvez possa criar as linhas de código para que seu blog tenha a função desejada), etc.

Migrando do Blogspot para o WordPress.org

Você já tem domínio e hospedagem, chegou a hora de trazer seu conteúdo do Blogspot. O WordPress não está instalado no seu servidor e você não sabe fazer isso? Converse com a empresa de hospedagem ou com um programador de sua confiança, eles fazem esse tipo de serviço. Agora vamos transferir o conteúdo: posts, comentários, imagens, etc.

No Blogspot

Faça login e já na primeira tela você encontrará os blogs que mantém no Blogspot. No blog desejado, acesse Configurações e, na tela seguinte, clique em Exportar blog. Salve o arquivo gerado e pronto, todo seu conteúdo foi exportado.

No WordPress

Faça login no WP e veja o menu à esquerda: vá em Ferramentas > Importar > Blogger. Siga os passos e pronto, seu conteúdo estará todo no WordPress.org.

Se desejar, você pode aproveitar esse momento para revisar a taxonomia, é uma maneira excelente de ir conhecendo todas as funcionalidades e opções que o WP oferece. Mas cuide para não virar o maluco por plugins (para não pesar o carregamento da página, vale para qualquer plataforma), instale apenas os que são realmente importantes. Um que é utilíssimo é o plugin Editorial Calendar, que ensinamos como funciona, ele ajuda muto na produtividade e organização de um calendário editorial.

Viu como a migração é simples? Esse foi o tutorial mais fácil que já ensinamos aqui no Metablog, o processo em si explicado em apenas dois parágrafos curtos – e acredito que permanecerá com esse título, nem consigo imaginar algo que seja mais simples do que isso. :D

E você, já fez esse processo alguma vez? E as plataformas, qual você prefere?

8 Comentários em Transfira seu blog do Blogger para o WordPress

  1. Brasilserv.com em dezembro 10, 2013

    Ótimo tutorial, realmente mostra o quão é simples.

    Vou sempre linkar esse tutorial aos clientes da Brasilserv que possuem essa dúvida.

    Muitíssimo obrigado por recomendar nossos serviços =)

    1. Lis Comunello em dezembro 11, 2013

      E nós agradecemos a boa prestação de serviços, sempre nos atendendo tão bem. :)

  2. Leve um mol em dezembro 17, 2013

    Para o caso de importar o blogger para o wordpress, o blogger poderá ser excluído? Porque se não assim ficariam 2 sites em aberto, um no blogger e outro no wordpress.

    1. Lis Comunello em dezembro 17, 2013

      Após a importação, primeiro certifique-se de que está tudo certo com seu blog no WordPress. Se estiver – e provavelmente esteja -, então você pode excluir o blog no Blogspot.

  3. Jose em janeiro 13, 2015

    Tentei estes passos mais estou tendo problema no ponto das imagens pois os links relacionados a elas continuam apontando para o blogspot.
    Tem alguma dica ou sugestão.
    Meu wordpress esta em um servidor pago.

    1. Lis Comunello em janeiro 14, 2015

      José, ao importar o arquivo xml você mandou importar também as imagens, certo? Não é comum, mas às vezes pode acontecer das imagens virem ainda apontando para o Blogger, como parece ser o seu caso. Tente um “replace” no banco de dados. Existem plugins que podem ajudar você nisso, mas não testamos nenhum não nos sentimos confiantes para indicar, você pode procurar e, após fazer um backup de tudo, testar você mesmo. Depois volta para nos contar se deu certo, tá? Boa sorte! :)

  4. Fabiola em abril 02, 2015

    Olá, boa tarde, tenho uma conta do adsense vinculado no meu blogspot e no meu canal, tenho essa dúvida, se eu migrar para o wordpress vai continuar a mesma coisa nesse sentido de pagamentos? obg aguardo sua resposta.

    1. Lis Comunello em abril 13, 2015

      Fabiola, o mais seguro é você conferir os termos de uso do próprio Adsense.