Links externos ou internos?

Promovendo seu blog escrito por

O Alessandro Martins e a Ana Karenina cantaram a bola nos comentários do post Como memes e blogagens coletivas podem ajudar seu blog: blogueiros já não fazem mais links externos como faziam antigamente. E o que são links externos? São links que levam o leitor a conteúdos que não estão no blog: outros blogs, matérias e artigos de jornais e revistas, etc. Já os links internos são os que levam aos posts do próprio blog onde o leitor está. E por quê os links externos não têm sido usados? A alegação é o SEO, que, em palavras simples, significa otimizar seu blog/site para que tenha bom posicionamento nos resultados dos mecanismos de busca.

Celso Lemos explica alguns critérios que o Google leva em conta na hora de elencar resultados nas buscas: os links internos, atualmente os preferidos dos blogueiros, estão lá. Como ele explica, quanto mais links uma página receber, mais relevância ela terá para o Google. Claro que isso é importante – e não só para as buscas: quando você recebe um novo visitante, ao ler seu post ele poderá encontrar outros textos do seu blog através dos links internos que o post tiver e, se o que o novo visitante encontrar for do interesse dele, poderá se tornar um leitor fiel e assinante do seu feed. Há inclusive quem diga que links externos prejudicam o funcionamento dos internos.

Mas será que links externos são tão prejudiciais assim? Claro que é importante pesquisarmos e analisarmos opiniões diversas, mas nada como orientações vindas de especialistas, certo? E o que diz o Mestre SEO? Além de explicar que o SEO atua considerando fatores On-Page e Off-Page (e o que são eles),  cita somente os links externos como principais Off-Page. E além de também serem muito importantes para o Google, links externos também ajudam a divulgar seu blog através de trackbacks/pingbacks. Já falamos antes  como isso pode ajudar seu blog, mas tem mais: não são só os leitores do blog linkado que podem vir até você, mas também os autores destes blogs – e é claro que se relacionar com outros blogueiros também é positivo para seu blog, mas isso é assunto para outro post. ;)

E você, qual o tipo de link que predomina no seu blog?

8 Comentários em Links externos ou internos?

  1. Ana Karenina em abril 06, 2011

    Olá

    Obrigada por me citar no artigo, muito legal quando fazem isso.

    Eu uso as duas formas, mas confesso que antes fazia mais externos do que internos porque os artigos que eu falava não tinha outros relacionados e eu tinha dificuldade de perceber quais artigos poderiam ser linkados, mas depois que criei um índice facilitou pois se escrevo um artigo sobre “blogosfera”, vou lá no indíce de blogosfera e vejo os artigos que tem a ver com o novo artigo e faço o link interno.

    Eu faço os links externos de várias maneiras no meu blog, seja no twitter ou no meu próprio blog porque acredito que se a informação é boa vale a pena ser compartilhada, as pessoas merecem saber sobre um texto bom, por isso gosto de divulgar, vai que alguém precisa daquela informação e eu posso ajudá-la divulgando um link para um ótimo texto? Não custa nada.

    Egoísmo não faz a pessoa ganhar dinheiro com blogs, os blogs que são famosos hoje é porque contaram também com links e apoio dos blogs até menores que os deles, mas quando o sucesso vem, os números crescem, a soberba pode crescer em muitos blogueiros, porque eles esquecem que um dia eram desconhecidos e pequenos. É triste, mas é verdade.

    @anakint

    1. Lis Comunello em abril 08, 2011

      Ana, também tenho o hábito de compartilhar links no Twitter. Sobre artigos relacionados, você também pode procurar nas categorias do blog. Sobre citar você no post, imagina, acho que os créditos sempre devem ser dados. Mas uma dica: seu blog tem todos os direitos reservados, portanto ninguém pode citar uma linha sequer de um post seu – se você criar uma licença que permita alguns usos e reserve alguns dos direitos (não todos), fica mais fácil ser citada. ;)

  2. Ana Karenina em abril 10, 2011

    Olá

    Eu nunca pensei que meu blog não era citado porque tem “todos os direitos reservados”, pensava que era porque não achavam mesmo interessante me citar, em todo caso agradeço a dica vou adotar e expplicar a licença pra dar mais liberdade as pessoas que gostarem dos meus textos.

    Obrigada!

    @anakint

    1. Lis Comunello em abril 10, 2011

      Ana, claro que a licença não é o único motivo para deixarmos de citar alguém, mas é um motivo importante. Particularmente fico bastante frustrada quando encontro uma frase bacana em um blog e não posso usá-la mesmo eu fazendo link e dando os créditos direitinho. Como no post anterior, por exemplo: links sobre monetização com frases ótimas, mas com todos os direitos reservados. Em todos os posts que escrevi aqui até agora passei por vários textos que deixei de lado unicamente porquê tinham todos os direitos reservados – em todos os posts, sem exceção. É uma política minha: informação e conhecimento precisam circular, então dou preferência aos autores que aceitam compartilhar. =)

  3. Ajisma em junho 21, 2011

    Eu raramente coloco links internos no meu blog, mas tentarei colocar mais. Contudo, links externos sempre tem, principalmente quando abordo um assunto abordado em outro lugar.

    Realmente, ultimamente tenho tentado readquirir hábitos perdidos de bloguista.

    Tentarei melhorar as coisas. Quem sabe na próxima não falo diferente.

    1. Lis Comunello em junho 22, 2011

      E geralmente o assunto do nosso post já foi abordado por outros blogueiros, não é Ajisma? =) Como coloquei no post, depois de pesquisar o que dizem especialistas em SEO, tanto links externos quanto internos são importantes. E os hábitos blogueiros, vamos ser sinceros: eventualmente acabamos deixando algum meio de lado, é por isso também que acho tão importante acompanhar meta-blogs – sempre há pontos para relembrarmos e voltarmos a praticar. =)